imagem1

 

 

O LE@D apoia a conferência myMPeL, do mestrado em Pedagogia do eLearning. Desde a sua primeira edição que o LE@D tem colaborado com o mestrado  na referida conferência, apresentando projetos em que se encontra envolvido e/ou colaborando  com a sua expertise na dinamização de workshops e /ou apresentações de investigadores.
Nesta 5ª edição myMPeL, o LE@D contribui com a dinamização de dois micro-workshops: Ferramentas Bibliográficas e Design dum Questionário.

Para mais informações consulte o programa e o site da conferência em: http://mympel.blogspot.pt/

As Inscrições são obrigatórias e estão disponíveis em: https://docs.google.com/forms/d/1eClxNMlh5cc14SmRwhQ4-D7XtqA-g7Pjfm3IOetbgfU/viewform?c=0&w=1

 

imagem2Cecília Tomás, investigadora-associada do LE@D, desenvolveu um estudo integrado na linha de investigação Educação a Distância e Sociedade em Rede intitulado “A acessibilidade das Plataformas de eLearning em instituições de Ensino superior Público em Portugal: Contributos Iniciais”. Trata-se dum estudo pioneiro em Portugal cujo objetivo foi a avaliação (medição) da acessibilidade da página inicial das plataformas de elearning das instituições de ensino superior públicas portuguesas, através do validador automático AcessMonitor criado pela Unidade Acesso da FCT.

A análise efetuada e os resultados obtidos – por instituição, índice e nível de conformidade e principais erros – das páginas iniciais das plataformas de elearning (plataforma ‘mãe’), de acordo com as WCAG 2.0, revelaram graves falhas tanto no índice como no nível de conformidade para com as referidas diretrizes alertando, ainda, para que os principais erros são comuns aos dois grupos (ensino universitário e ensino politécnico) de instituições de ensino superior analisadas.

imagem1Esta investigação foi realizada em 2014 e inspirou-se no estudo feito pela Unidade ACESSO (de Dezembro de 2013) que analisou o estado da Acessibilidade dos sítios Web dos estabelecimentos de ensino superior em Portugal.

Este estudo encontra-se disponível no repositório da UAb, foi já apresentado na 2ª conferência Internacional para a Inclusão (INCLUDiT, 2014),  bem como no Seminário ‘Projetos de Vida Inclusivos – Parcerias e Respostas‘ no Hospital Garcia de Orta em Almada, 2015.”

Cecília Tomás é mestre em Pedagogia do eLearning e doutoranda da especialidade em Educação a Distância e eLearning da Universidade Aberta de Portugal.

 

 

caroleiRealiza-se no  dia 3 de fevereiro pelas 17,30  no Palácio Ceia, a conferência da Doutora Paula Carolei intitulada “Gamificação Aumentada: ampliando a aprendizagem em espaços híbridos“. Trata-se duma iniciativa do Projeto PETI integrado na linha 1 do Laboratório de Educação a Distância e eLearning em cooperação com o DEED.

Paula Carolei  é doutorada em Educação pela Universidade de São Paulo (2007). Trabalha com Tecnologia Educacional desde 1993. Atualmente é professora adjunta da UNIFESP na área de Tecnologia Educacional da Universidade Aberta do Brasil  e faz parte do Grupo de Pesquisa CCM (Comunicação e Criação em Mídias) da PUC-SP e do GP-Edu UNISINOS com projetos de pesquisa ligados à gamificação, educação online e hibridismos tecnológicos.

A entrada é livre. Para mais informações, contacte para o email: lead@uab.pt

 

eden eadtu

 

A Universidade Aberta  portuguesa (UAb)  é palco da realização de cimeira de presidentes da EDEN (European Distance Elearning Network) e da EADTU  (European Association of Distance Teaching Universities) nos dias 15 e 16 de janeiro de 2015.
A  cimeira de Lisboa  tem como objetivo debater formas concretas de colaboração entre as duas organizações no atual contexto e planear o lançamento de ações conjuntas mobilizando a comunidade europeia de educação digital.
A delegação da EDEN  é constituída pelo Presidente, prof. António Teixeira, docente da UAb e o Secretário-Geral da EDEN, dr. András Szücs e a delegação da EADTU inclui a sua Presidente, prof.ª Anja Oskampo, reitora da Open Universiteit da Holanda, e o diretor executivo da EADTU, dr. George Ubachs.

A Universidade Aberta é membro fundador de ambas as organizações.

O LE@D tem participado em múltiplas atividades e projetos comuns com ambas as organizações, desde a sua criação como unidade de investigação.

Tagged with:
 

foto_ConfMOOCS_ECOproject

O projeto ECO é uma iniciativa inovadora da União Europeia que começou em fevereiro 2014, envolvendo mais de 20 universidades e empresas de 7 países europeus. O projeto vai dar formação a cerca de 50 mil estudantes e credenciar 4.000 professores. Um dos seus objectivos é a utilização de estratégias de elearning através de MOOC (Cursos Massivos, Abertos e Online).

No âmbito deste projeto, decorreu nos dias 28 a 30 de novembro na UNED|Universidad Nacional de Educación a Distancia, Madrid, a 1ª Conferência Internacional «MOOCs: presente e futuro. Perspectivas Internacionais».

Nesta conferência participou o Prof. George Siemens, um dos especialistas internacionais de maior relevo no elearning. Este especialista defende a ligação da teoria de aprendizagem para a era digital, onde as pessoas aprendem através da criatividade e inovação e onde a aprendizagem deixa de ser uma simples transmissão de conhecimentos.

A Universidade Aberta, Portugal esteve representada nesta conferência pelo Prof. António Teixeira que participou na mesa redonda sobre os «Modelos pedagógicos e comunicação de MOOCs: perspectivas europeias», pela Prof.ª Maria do Carmo Pinto que apresentou o ECOiMOOC, liderado pela UAb, que está a decorrer sobre «Competências Digitais para professores» e ainda, pela Prof. Lina Morgado que participou na mesa redonda sobre «Metodologias MOOCs e avaliação: perspectivas europeias».

Clique em Programa 1º Conferência Internacional «MOOCs: presente e futuro. Perspectivas Internacionais  para saber mais e reveja a entrevista que o LE@D fez a George Siemens.

Aceda aos cursos MOOC do ECO em https://portal.ecolearning.eu

Tagged with:
 

Lançamento do ECOiMOOC da Universidade Aberta COMPETÊNCIAS DIGITAIS PARA PROFESSORES (#ecoimooc14)

ecoimoocNo próximo dia 24 de novembro tem início o curso Competências Digitais para Professores (#ecoimooc14) disponibilizado pela Universidade Aberta (UAb). O curso é online e gratuito e decorrerá entre 24 de novembro de 2014 e 10 de janeiro de 2015.

O curso pretende fomentar a reflexão e debate em torno das questões e desafios que se colocam quanto à utilização das ferramentas digitais em contexto de sala de aula, assim como promover o desenvolvimento de competências nessa área.

O curso Competências Digitais para Professores integra-se no projeto europeu Elearning, Communication and Open-data: Massive Mobile, Ubiquitous and Open Learning (ECO), apoiado pela União Europeia, em que participam 24 parceiros de vários países europeus. A Universidade Aberta (UAb) foi convidada a integrar o projeto dada a sua vasta experiência no domínio do Ensino a Distância e Elearning através do LE@D.

O esperado impacto do ECO será acrescido através da preparação de professores certificados, que serão capazes de criar os seus próprios cursos online, bem como outros recursos educacionais abertos, e disseminá-los através da plataforma de aprendizagem aberta que agrega todos os projetos piloto.

As inscrições no curso COMPETÊNCIAS DIGITAIS PARA PROFESSORES são realizadas em: https://portal.ecolearning.eu/

leadeco_mooc

 

 

 

Tagged with:
 

eco_mooc

Em fevereiro de 2014 a Comissão Europeia aprovou o Projeto ECO, no qual um consórcio constituído por 20 universidades (onde se inclui a Universidade Aberta) e empresas europeias de 7 países diferentes se uniram para desenvolver um programa inovador de formação para professores a nível europeu.

O objetivo incide na apresentação de estratégias de elearning através de cursos MOOC (Cursos Online Abertos e Massivos)  com a duração de oito meses.
Se pretender tornar-se um “eTeacher” pode subscrever e participar nos cursos online que estamos a preparar sobre diversos temas. Poderá aprender em qualquer lugar e a qualquer hora. Apenas necessita de um computador ou qualquer dispositivo móvel ligado à Internet.

Registe-se no site: http://landing.ecolearning.eu/pt-pt/

Estes cursos são desenvolvidos no âmbito do projeto ECO, no quadro das atividades do Laboratório de Educação a Distância e eLearning- (LE@D).

#Joineco

lead-14

Tagged with:
 

elies2014A  Universidade do Porto,o LE@D-Universidade Aberta e o Instituto Politécnico do Porto têm o prazer de anunciar a realização do IV Encontro de Instituições e Unidades de e-learning do Ensino Superior a realizar no próximo dia 26 de novembro de 2014 na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto. Dando continuidade às três edições anteriores, este encontro pretende promover a reflexão, o debate e a troca de experiências na implementação, na organização e na aplicação de elearning. Este ano o encontro será subordinado ao tema Elearning e cooperação: destino ou opção?

rschuwer O encontro conta com a participação do convidado internacional, Robert Schuwer  da Universidade Aberta Holandesa.

Pretende-se ainda o reforço e desenvolvimento de práticas de colaboração e de partilha entre as equipas e as unidades de e-learning das instituições de ensino superior portuguesas.

O encontro dirige-se especialmente a:

  1. Equipas de unidades de elearning e serviços tecnológicos de IES;
  2. Docentes e investigadores a desenvolver trabalho no domínio do elearning e da integração das tecnologias no ensino;
  3. Outros colaboradores de IES com interesse no domínio;
  4. Empresas com oferta relevante no domínio de elearning.

Para mais informações e inscrições consulte o site do evento: http://elies2014.up.pt

O LE@D encontra-se na organização desta iniciativa desde a sua 1ª edição em 2010. Consulte no site do LE@D os registos dos eventos anteriores.

Tagged with:
 

emma

 

O LE@D é um dos parceiros fundadores do projeto European Multiple MOOC Aggregator – EMMA .  Tendo em conta a sua vasta experiência no domínio do Ensino a Distância e Elearning  vai disponibilizar um MOOC  intitulado Alterações Climáticas: o contexto das experiências de vida, que decorrerá entre 20 de outubro e 30 de novembro de 2014.

emma
O European Multiple MOOC Aggregator – EMMA é uma acão-piloto de 30 meses, apoiada pela União Europeia, que se destina a mostrar a excelência em metodologias de ensino inovadoras e abordagens de aprendizagem, por meio da criação de MOOCs-piloto em grande escala sobre assuntos diversos. O projeto EMMA irá fornecer um sistema de disponibilização de cursos online gratuitos, em vários idiomas, visando preservar a rica herança cultural, educativa e linguística da Europa e promover a aprendizagem intercultural e multilingue.
O objetivo geral do curso é introduzir o conceito de alterações climáticas no contexto do desenvolvimento sustentável, relacionando-o com as experiências vivenciadas por cada um. Assim, algumas das questões fundamentais que se procuram desenvolver neste curso são:
Como é que as alterações climáticas influenciam ou podem vir a influenciar a nossa sociedade e o nosso dia-a-dia?
Como podemos avaliar a informação disponível sobre o que fazer relativamente às alterações climáticas, de modo a tomarmos as nossas decisões de uma forma racional e informada?
Como é que as nossas tomadas de posição e comportamentos podem influenciar o futuro da sociedade e do planeta?

Os interessados na realização deste curso devem registar-se em http://europeanmoocs.eu/blog/project/

 

Tagged with:
 
                            estudante_uabestudante_uab5
liceducaRealiza-se no próximo dia 4 de outubro o III Encontro da licenciatura em Educação, dedicado ao  Empreendedorismo e Educação, na sede da UAb- Palácio Ceia, em Lisboa. O evento celebra  a finalizaçãoda Licenciatura em Educação e pretende o debate em torno de temáticas importantes para os estudantes deste curso e finalistas.
Com um programa diversificado, a  conferência plenária tem como convidada a prof.ª doutora Maria de Lurdes Rodrigues, uma mesa redonda, dedicada à partilha de experiências e de testemunhos sobre a temática do evento, bem como a cerimónia de entrega de diplomas e de momentos culturais para finalizar o encontro.
O evento tem ainda o apoio  da Casa Pia de Lisboa, GISPOL, De Facto Editores, WhiteBooks, Ondjiri Editores e Tasca do Urso.
Tagged with: