Novas defesas de teses de doutoramento na área de Educação a Distância e eLearning

Durante o mês de junho  realizaram-se  várias defesas de teses de doutoramento da especialidade em Educação a Distância e eLearning (EDeL) do doutoramento em Educação, integradas na formação avançada e em linhas de investigação do Laboratório de Educação a Distância e eLearning.

dia 12 de junho 2018| 

  •  o mestre Vitor Reis defendeu a tese com o título Formação Profissional de Bombeiros Portugueses: Aplicação da Simulação Virtual ao Desenvolvimento das Competências de Tomada de Decisão. O doutorando é mestre em Gestão de Sistemas de eLearning pela Universidade Nova de Lisboa e responsável pela formação na Escola Nacional de Bombeiros.

dia 14 de junho 2018| 

  • a mestre Ana Maria Videira Paiva defendeu a tese intitulada Participação e Partilha de Conhecimento na Sociedade em Rede: Contextos Educacionais Online. A doutoranda é licenciada em Psicologia Educacional e mestre em Comunicação Educacional Multimedia pela Universidade Aberta.

Investigadores do LE@D participam no projeto Tutoria Virtual

Uma equipa  de investigadores do LE@D participa no projeto multi-disciplinar Tutoria Virtual (TV) coordenado pelo Prof Adérito Marcos UAb/CIAC e financiado pela FCT.
A equipa do projeto é vasta sendo constituída por 23 investigadores de vários Centros de Investigação nacionais:

a Fundação da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FFC/FC/UL); o Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Investigação e Desenvolvimento em Lisboa (INESCID/INESC/IST/UTL);

o Centro de Investigação em Artes e Comunicação (UALG e ESTC/IPL) (CIAC); o Instituto de Biosistemas & Ciências Integrativas (BioISI/FFC/FC/UL).

Parte da equipa reuniu no IST- Tagus Park para preparação dos primeiros testes com os TV.

 

 

Chamada de Artigos para número temático sobre Competências Digitais

Imagem

 

 

O número temático de dezembro da RE@D é dedicado às Competências Digitais, um tema central da agenda da Comissão Europeia e do programa de reformas do XXI Governo Constitucional de Portugal. A Comissão Europeia desenvolveu, no âmbito do tema, um sofisticado quadro de referência que tem vindo a ser divulgado e alargado desde 2013, o European Digital Competence Framework (DigComp). O Governo Português lançou, entretanto, a “Iniciativa Nacional Competências Digitais e.2020 – INCoDe.2030”. Esta iniciativa surge, por sua vez, num contexto escolar favorável, onde a experiência já adquirida no terreno reforça o empenho dos professores em abraçarem projetos desta natureza. Cabe agora aos académicos e aos investigadores juntarem-se ao debate, alargando-o para as suas dimensões de reflexão prática e teórica, científica, pedagógica, organizacional, estratégica e política.

É para esta reflexão que o número de dezembro da RE@D apela a submissões. Serão bem-vindas todas as submissões que contribuam para uma melhor compreensão dos desafios em jogo e para a construção de soluções que permitam superá-los. Para além dessas, serão também muito bem acolhidas, por serem menos frequentes na literatura, as submissões que abordem:

  • experiências de desenvolvimento de competências digitais onde sejam claros as distinções entre competências e conhecimentos e o caráter transversal e multidimensional das primeiras;
  • reflexões teóricas, científicas, pedagógicas, organizacionais, estratégicas e políticas sobre a problemática das competências digitais;
  • reflexões sobre os referenciais de competências digitais, seu potencial, limitações, operacionalização e transformação em práticas inovadoras e de mudança;
  • experiências e propostas de intervenção que transcendam o caráter meramente instrumental das competências digitais e lancem pistas sobre a sua dimensão cultural e emancipatória.

Editor Temático: António Dias de Figueiredo

Submissões até 30 de setembro de 2018